Brasil

Governo Federal estuda extinguir horário de verão

Próximo horário de verão segue marcado para o dia 15 de outubro

O Governo Federal revelou nesta quinta-feira (21) que está avaliando a possibilidade de não adotar o horário de verão neste ano. A informação é da Casa Civil da Presidência da República. Desde 2008, um decreto presidencial estabelece as datas para o início e término do programa de economia de energia.

Segundo o Operador Nacional do Sistema Elétrico (ONS), mudanças no perfil de consumo ocorridas nos últimos anos fizeram com que a medida trouxesse resultados “próximos à neutralidade” em relação à economia de energia e redução de demanda por carga.

O horário de verão está previsto para começar no dia 15 de outubro deste ano. Em vigor no Brasil desde 1931, a alteração nos relógios que ocorre entre o fim e o início de cada ano visa distribuir melhor o consumo de energia, reduzindo custos operacionais. Isso ocorre em razão da maior incidência de luz natural no período. Com mais tempo de claridade, o acionamento de iluminação elétrica e também de outros aparelhos, como chuveiros, é postergado, diminuindo o pico de demanda no sistema elétrico do país.

Para entrar em vigor, a medida precisa de aprovação do Ministério de Minas e Energia.

0 comentários:

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Tecnologia do Blogger.