Ceará

IBGE seleciona recenseadores no Ceará para contrato temporário

O Ceará é um dos estados inclusos no novo processo seletivo complementar do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). O edital visa contratação temporária de 1.152 Recenseadores para o Censo Agropecuário 2017. 

As inscrições serão efetuadas no período de 23 de outubro a 6 de novembro de 2017, exclusivamente nos Postos de Inscrição do IBGE. Para realizar a inscrição, o candidato deverá dirigir-se a um dos postos, no horário de funcionamento destes, conforme lista divulgada no site do IBGE. 

A iniciativa dá continuidade ao certame aberto pelo edital anterior (nº 02/2017), especificamente visando suprir vagas em estados que tiveram candidatos inscritos em número inferior ao de vagas oferecidas, tiveram a listagem esgotada de aprovados ou, ainda, não tiveram inscritos.

É necessário ter ensino fundamental completo e o salário será pago por produção, calculada por setor censitário, conforme taxa fixada e de conhecimento prévio pelo Recenseador, com base nas quantidades de unidades de estabelecimentos agropecuários recenseados. 

A jornada de trabalho recomendável é de, no mínimo, 25 horas semanais, além da participação integral e obrigatória no treinamento. 

Diferentemente do processo anterior, este seletivo avaliará os candidatos apenas por análise de títulos, compreendendo a titulação acadêmica (veja os critérios de pontuação a seguir). O resultado final será divulgado no dia 09 de novembro nos postos de inscrição e no site do IBGE. 

A validade do seletivo será de dois anos, contados a partir da data da divulgação do resultado final. A previsão de duração do contrato é de até cinco meses.

1 comentários:

  1. Nível fundamental? Fui lá deixar meu certificado de engenharia civil e a moça me falou que já haviam 5 inscritos com nível superior. Como só há uma vaga na cidade, ganhará a vaga quem for mais velho.

    ResponderExcluir

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Tecnologia do Blogger.