Ceará

MST ocupa sede do Incra e reivindica mais verbas para reforma agrária

Mobilização ainda protesta contra a reforma trabalhista e da previdência do governo Michel Temer

Cerca de 700 membros do Movimento dos trabalhadores Rurais Sem Terra (MST) estão ocupando, desde a madrugada desta segunda-feira (16), a sede do Incra, em Fortaleza. A manifestação faz parte da Jornada Nacional de Luta pela Reforma Agrária, que promove a ocupação de órgãos públicos em todo o país em reivindicação por medidas relacionadas a reforma agrária.

A jornada segue durante toda esta semana, mas a ocupação não tem data para acabar. Entre as reivindicações do movimento, está mais recursos para a compra de terras para a reforma agrária. Segundo a direção estadual do MST, a verba teve corte de 70% em 2017.

A mobilização ainda protesta contra a reforma trabalhista e da previdência do governo Michel Temer (PMDB).

0 comentários:

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Tecnologia do Blogger.