Ceará

Exército destrói três mil armas apreendidas no Ceará

Cerca de três mil armas serão destruídas pelo Exército Brasileiro, no Estado do Ceará, na próxima semana, durante a Operação 'Vulcão'. Conforme a comunição social da 10ª Região Militar, as milhares armas apreendidas pelos órgãos de Segurança Pública, devem ser inutilizadas já a partir desta segunda-feira (4).

A atividade acontece a partir das 9h e deve se estender até a próxima terça-feira (5), na Siderúrgica do Pecém. No segundo dia devem se fazer presentes autoridades da Segurança Pública do Ceará e o comandante da 10ª Região Militar, General de Divisão Estevam Theóphilo.


As armas a serem destruídas foram utilizadas em ações criminosas, por pessoas não habilitadas ou sem o devido registro. A Operação acontece em parceria com o Conselho Nacional de Justiça (CNJ), após as Polícias do Estado terem entregue os armamentos recolhidos.

0 comentários:

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Tecnologia do Blogger.