Ceará

Desmatamento zerou em Guaramiranga no ano de 2017

Alívio para a Mata Atlântica e motivo de festa para os ambientalistas. Segundo o último Atlas dos Municípios da Mata Atlântica, lançado em dezembro pela Fundação SOS Mata Atlântica e o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), não ocorreu desmatamento neste Município no ano passado. O município fica situado Área de Proteção Ambiental (APA) do Maciço de Baturité. 

O levantamento do Atlas avalia diferentes formações naturais que compõem a Mata Atlântica, como floresta, mangue e restinga, e apresenta a situação da cobertura florestal e o histórico do desmatamento nos 3.429 municípios dos 17 estados onde o bioma está localizado. O Atlas indica a destruição de 30.569 hectares entre 2015 e 2016. 

De acordo com informações da Secretaria Estadual do Meio Ambiente (Sema), enquanto os desmatamentos aconteceram em 598 (17,4%) dos municípios do bioma, em Guaramiranga não foi identificada nenhuma supressão de vegetação acima de três hectares, no período de 2015 a 2016, tecnicamente considerado "desmatamento zero", na APA de Baturité. 

O titular da Sema, Artur Bruno, comemorou. Para ele o desmatamento zero também é resultado do trabalho e esforço da equipe da Sema, que atua fortemente naquela região. O apontamento positivo indica, para ele, que promover a gestão ambiental das unidades de conservação é o caminho para a proteção da biodiversidade, geração de serviços ambientais e promoção do bem-estar das comunidades nelas inseridas.

Segundo a gestora da APA, Patrícia Jacaúna, "todos os empreendimentos licenciados pela gestão da Unidade de Conservação (UC) em Baturité atendem às regras determinadas na Lei da Mata Atlântica (Lei Nº 11.428, de 2006)". Ela disse, ainda, que "ações estão sendo articuladas em todos os segmentos envolvidos, inclusive o Conselho Gestor da UC, para elaboração do Plano Municipal da Mata Atlântica. (PMMA)". 

Em 2015, a Sema e a Fundação SOS Mata Atlântica assinaram um Termo de Cooperação Técnica com o objetivo de promover a troca de conhecimento técnico e informações, para elaboração do PMMA.

A APA do Maciço de Baturité compreende nove municípios: Pacoti, Aratuba, Baturité, Capistrano, Caridade, Guaramiranga, Redenção, Mulungu e Palmácia. Ocupa uma área de 32.690 hectares. Foi criada para assegurar a sustentabilidade na região, proporcionando o bem-estar da população e a conservação ou melhoramento das condições ecológicas do local.

0 comentários:

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Tecnologia do Blogger.