Brasil

Após ser roubado por ladão, idoso de 68 anos degola bandido com facão e acaba preso

Policiais civis da Delegacia de Areia Branca, Município de Sergipe, prenderam um idoso de 68 anos de idade identificado como José Lopes da Silva Filho, suspeito de matar Sandro da Silva Santos no dia 13 de novembro de 2017. O crime ocorreu durante a madrugada quando a vítima chegava para dormir na casa do primo.
Segundo a polícia, Sandro era ex-presidiário e viciado em drogas e alguns dias antes de morrer roubou uns animais da casa de Degolador. Após descobrir a autoria do roubo, o idoso resolveu se vingar planejando a morte de Sandro. Em depoimento, Lopes disse que viu a vítima bebendo cachaça em um bar de cidade e ficou aguardando ele chegar em casa.
A dinâmica mostrada no Inquérito Policial narra que quando a vítima abriu a porta, Lopes deu um golpe de facão no pescoço, praticamente matando-a instantaneamente. Ao cair no quintal da casa, o idoso fez jus ao apelido de degolador e aplicou um novo golpe no pescoço e cabeça da vítima.
Degolador disse aos policiais que ganhou esse apelido no passado quando cometeu seu primeiro homicídio. “Ele matou o desafeto após ter seu carro roubado cortando o pescoço da vítima, exatamente como fez agora”, disse um dos policiais envolvidos na prisão.
José Lopes foi preso na praça perto de um grande supermercado da cidade de Itabaiana, local onde ele estava morando desde que fugiu da cidade de Areia Branca.

0 comentários:

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Tecnologia do Blogger.