Brasil

Pai é suspeito de agredir com mordidas Bebê de um mês e arrancar o lábio inferior do recém-nascido

Um bebê de um mês deu entrada no Hospital de Urgência de Teresina com mordidas pelo corpo e o lábio inferior extirpado com uso de objeto cortante na terça-feira (17). De acordo com informações do G1, o pai da criança é o principal suspeito e foi preso preventivamente; a mãe será investigada por suposta negligência.
A criança passou por uma cirurgia devido à gravidade das lesões e ainda não tem previsão de alta. O bebê ainda será submetido a um procedimento para colocar enxerto no local mutilado.
Segundo a a conselheira tutelar Maria do Carmo Lima, a mãe do bebê relatou ter passado a noite consumindo bebida alcoólica com o companheiro e depois disso “apagou”, acordando com o choro da criança já ferida. Para o Conselho, a mulher foi negligente.
O Conselho informou, ainda, que a mãe contou que sofria agressões do companheiro, com o qual mantém um relacionamento de sete anos e que, no dia do incidente, ele teria dado um empurrão nela, ferindo seu joelho.

0 comentários:

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Tecnologia do Blogger.