Ceará

Tijuquinha é o décimo açude a sangrar no Ceará em 2018

Este ano, 10 açudes já sangraram no Ceará. O mais recente é o Tijuquinha, em Baturité, distante 93,2 km de Fortaleza. De acordo com a Companhia de Gestão dos Recursos Hídricos (Cogerh), foram registrados aportes em 87 dos 155 açudes do Estado. O volume atual é de 1,67 bilhão de m³ com capacidade de 18,63 bilhões de m³.
Sangraram os reservatórios de Acaraú Mirim, Barragem do Batalhão, Caldeirões, Cocó, Colina, Germinal, Itaúna, Maranguapinho, Tijuquinha e Tucunduba. Ao todo, 12 açudes estão com volume acima de 90% e 109 estão abaixo de 30%.
Dos 87 açudes que registraram aporte estão Acarape do Meio, Angicos, Aracoiaba, Araras, Arneiroz II, Ayres de Sousa, Banabuiú, Castanhão, Edson Queiroz, Jaburu I, Orós, Pedras Brancas e Taquara. Ainda conforme a Cogerh, o aporte permitiu que o Santa Maria saísse do volume morto e que o açude Trapiá II deixasse de estar seco.
Estão em volume morto 33 açudes e outros 24 estão secos, incluindo Adauto Bezerra, Forquilha II, Vieirão, Quixeramobim, Jatobá e Santo Antônio de Russas.
Conforme monitoramento da Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme), foram registradas precipitações em 138 postos pluviométricos no Ceará nesse período. De ontem (3),para hoje (4), as chuvas diminuíram e foram registradas em apenas 41 municípios.
O aporte significativo se intensificou já durante o feriado da Semana Santa, no último fim de semana. Chuvas em 120 municípios, do último dia 30 ao dia 2 deste mês, contribuíram para o começo da recuperação de alguns açudes cearenses.

0 comentários:

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Tecnologia do Blogger.