Brasil

Vitória vence o Ceará e deixa a zona do rebaixamento no Brasileiro

Jogando sob um forte calor na manhã deste domingo no Barradão, o Vitória conseguiu vencer o Ceará pelo placar de 2 a 1 pela sexta rodada do Campeonato Brasileiro. Após sair na frente no primeiro tempo com Wallyson, o Leão sofreu o empate após um belo chute de Wescley. Aos 39 minutos, no entanto, Neílton cobrou um pênalti com categoria e garantiu a vitória.
O triunfo garantiu os três pontos para o time da casa, o que representou a saída da equipe da zona do rebaixamento. Agora com sete pontos, a equipe subiu do 17º lugar para o 10º. Já o Vozão permanece com apenas três pontos e fica na 19ª colocação, podendo ir para lanterna em caso de vitória do Paraná na rodada.
Na próxima semana, o Vitória vai para o Rio de Janeiro medir forças com o Botafogo no estádio Nilton Santos. Já o Ceará volta a jogar em casa contra o Grêmio, no Castelão.
O jogo – O forte calor em Salvador fez as equipes jogarem de maneira menos intensa na primeira etapa. Sem grande movimentações, principalmente ofensivas, a partida ia decorrendo sem grandes chances de gols para os dois lados.
A primeira chance de perigo do jogo veio em favor do time da casa após um chute de fora da área de José Welison. A bola, no entanto, acabou passando pela direita do gol. Pouco tempo depois, o Ceará conseguiu escapar bem pela direita com Wescley. O atacante conseguiu puxar a bola para e meio porém viu seu chute ser bloqueado pela defesa.
A resposta do Vitória a esse lance foi através de um rápido contra-ataque. Após uma rápida troca de passes no meio de campo, Neílton lançou bonito para Wallyson, que não desperdiçou e abriu o placar após tirar do alcance do goleiro.
Aos 24 minutos, o Ceará chegou novamente com perigo após uma linda jogada trabalhada ofensivamente. Após um belo lançamento vindo de trás, Éder Luis ajeitou a bola com o peito deixando na medida para Élton finalizar bonito, porém o goleiro Elias fez uma boa defesa.
No segundo tempo, o Vôvo ficou mais tempo com a bola, porém não conseguia criar muitas chances claras para que pudesse chegar ao gol de empate. Numa das poucas vezes que viu seu gol ficar próximo veio aos cinco minutos,  quando o trio de ataque fez boa jogada dentro da área e a bola sobrou limpa para Hyuri, que acabou batendo muito embaixo da bola e finalizou por cima.
A pressão do time visitante gerou uma nova chance de perigo aos 19 minutos, quando Wescley conseguiu furar o bloqueio da defesa adversária com uma bela jogada individual. Porém no momento do chute a bola subiu muito, passando por cima do gol.
O empate que começava a se desenhar foi confirmado aos 30 minutos. Após um corte da defesa do Leão numa cobrança de falta na área a bola sobrou para Wescley. O volante dominou no peito e finalizou muito forte, impedindo qualquer chance de defesa.
No momento em que o Ceará parecia melhor no jogo e começava a sonhar com uma virada, Lucas Fernandes recebeu livre na área e foi derrubado pelo goleiro Éverson. A arbitragem marcou o pênalti que foi convertido por Neílton, aos 39 minutos.
O Ceará ainda teve uma ótima chance para conseguir o empate. Aos 49 minutos, a bola foi lançada para a área e sobrou limpa para o centroavante Élton. O camisa 9, porém, finalizou muito mal e viu seu chute ir por cima do gol, desperdiçando a chance do empate.

0 comentários:

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Tecnologia do Blogger.