Brasil

Jogadoras da LBF relatam a importância do ouro de 1994 em suas carreiras

Há exatos 24 anos, em 12 de junho de 1994, o Brasil conquistava o Mundial de Basquete com vitória sobre a China por 96 a 87. No dia anterior, 11 de junho, as brasileiras eliminaram a poderosa seleção dos Estados Unidos. Além do ouro, o esquadrão liderado por Hortência, Magic Paula e Janeth, influenciou, e influencia até hoje, o basquete brasileiro. Algumas das principais jogadoras da Liga de Basquete Feminino, cuja emissora oficial é a TV Gazeta, comentaram a importância da conquista em suas carreiras.
“Aquele time influenciou 100% o meu sonho de se tornar uma atleta profissional de alto nível e internacionalmente reconhecida”, relatou Kelly, pivô do Funvic/Ituano. “lembro que fui ao aeroporto buscar a equipe campeã. Eu jogava pela Ponte Preta de campinas e fomos em caravana recepcionar as campeãs mundiais no aeroporto de Guarulhos. Eu tinha 14 anos”.
Karla, ala campeã desta temporada pelo Vera Cruz Campinas, lembrou a euforia após a conquista. “Gritávamos como se tivéssemos sido campeãs do mundo junto com elas! Um dos dias mais felizes da minha vida”, recordou. “Sempre soube que queria ser jogadora de basquete, e aquele dia eu tive certeza”.
Já Fabi, ala do Presidente Venceslau, contou que a conquista a incentivou a se dedicar ainda mais ao esporte. “Estava iniciando no basquete e a conquista influenciou muito para que eu aumentasse minha dedicação ao basquete, em termos de treinamento, disciplina, responsabilidades”, contou. “Elas foram guerreiras e são até hoje fonte de inspiração para todos envolvidos com a modalidade”.

0 comentários:

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Tecnologia do Blogger.