Ceará

Segundo dia do Arraiá do Ceará encanta com tradições juninas

Com muito forró, xadrez, comidas típicas e quadrilha, o segundo dia do Arraiá do Ceará 2018 trouxe o melhor da tradição junina para encantar o público, que lotou o estacionamento do Shopping Iguatemi, neste sábado (9). O evento, que começou na sexta-feira (8) e vai até este domingo (10), irá eleger a quadrilha que representará o Estado do Ceará no São João do Nordeste, festival realizado pela Rede Globo, em Pernambuco.
Ao todo, 20 quadrilhas juninas se apresentarão no evento. Os grupos são oriundos de diversos municípios do Estado, e são os melhores segundo o ranking da União Junina do Ceará, que realiza o Arraiá, promovido pela TV Verdes Mares.
Participarão do Arraiá do Ceará os grupos: Nação Junina (Aquiraz), Junina Meu São João (Fortaleza), Dona Fulô (Quixadá), Festa na Roça (Itapipoca), Brilho do Sertão (Fortaleza), Tradição Junina (Itarema), Terra do Sol (Caucaia), Fogo Jovem (Itapipoca), Arriba Saia (Várzea Alegre), Brilho da Noite (Fortaleza), Cumpade Justino (Maracanaú), Tradição na Roça (Fortaleza), Luar do Sertão (Sobral), Estrela do Sertão (Apuiarés), Arraiá do Conselheiro (Quixeramobim), Luar Serrano (Ibaretama), Brisa do Sertão (Canindé), Cheiro de Terra (Horizonte), Filhos do Sertão (Fortaleza) e Junina Babaçu (Fortaleza).
Um espaço coberto foi montado para as apresentações das quadrilhas. Quem não consegue lugar entre as cerca de 1600 cadeiras na arena, pode aproveitar nas mesas e acompanhar tudo por um telão colocado na parte externa. Há, ainda, praça de alimentação com diversas barracas oferecendo comidas típicas, parque de diversões e apresentações de forró. Uma verdadeira quermese.
Neste sábado, quem abriu o evento foi a quadrilha Tradição Junina, de Jurema. Com o tema "O outro lado da seca", o grupo emocionou com a encenação dos problemas do sertanejo, trazendo logo nos primeiros passos, a morte de um personagem.
Em seguida, a quadrilha Arriba Saia, de Várzea Alegre, fez jus ao nome da cidade e arrancou gargalhadas do público, com uma apresentação bastante cômica, cuja tema era "O Inquérito: A Monarquia Sertaneja".
Após a apresentação, muitos dos participantes desabavam nos bastidores, literalmente. Era o cansaço da viagem, somado com a energia desprendida na dança. A noiva da quadrilha Arriba Saia, Evânia Silva, 27, apesar de esgotada, permanecia de pé.
"A roupa é pesada, e o cansaço é grande, pois a gente vem de longe, são oito horas de viagem. Até chegar aqui, se arrumar. E amanhã, dançaremos em Maracanaú, se Deus quiser. Comecei a dançar na Arriba Saia em 2012, e constinuo até hoje, e se Deus quiser, enquanto tiver saúde, quero continuar. Representa muita cosia pra mim, sei nem como eplicar. Não tenho palavras para descrecver o amor que tenho pelo São João. Só quem ama é que sabe. E hoje, foi maravilhoso", afirmou Evânia.
A programação segue neste domingo, a partir das 18h. A entrada é gratuita.

0 comentários:

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Tecnologia do Blogger.