Brasil

Defesa de Lula recorre de decisão que pode acelerar debate de elegibilidade

A defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) entrou nesta terça-feira (10) com um recurso para barrar uma decisão judicial que pode acelerar a discussão sobre a legalidade da candidatura do petista.
Os advogados de Lula querem que a vice-presidente do TRF-4 (Tribunal Regional Federal da 4ª Região), desembargadora Maria de Fátima Freitas Labarrère, reconsidere a decisão de enviar ao STJ (Superior Tribunal de Justiça) uma cópia do chamado processo do tríplex, da Operação Lava Jato. Eles alertam para o que consideram como risco de interferência no "cenário político-eleitoral".
Foi a condenação neste processo que levou Lula à cadeia - para cumprir pena de 12 anos e um mês por corrupção passiva e lavagem de dinheiro - e pode deixá-lo inelegível, segundo os critérios da Lei da Ficha Limpa.

0 comentários:

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Tecnologia do Blogger.