Ceará

40 postos de combustível são alvos de operação contra formação de cartel em Juazeiro, Crato e Barbalha, no Ceará

Polícia cumpre mandados em investigação contra irregularidades em postos de combustíveis
O Ministério Público do Ceará e a Polícia Civil cumprem, nesta quinta-feira, 80 mandados de busca e apreensão contra 40 postos de combustível por suspeita de formação de cartel nas cidades de Juazeiro, Crato e Barbalha, na Região do Cariri, interior do estado. Empresários, gerentes e representantes dos estabelecimentos também são alvos dos mandados.
De acordo com o MPCE, foram apreendidos mais de R$ 500 mil e quatro armas de fogo durante a operação, denominada “Conexus”. As investigações começaram no ano passado, segundo o órgão.
Conforme o delegado Juliano Marcula, 120 policiais, 20 delegados e 10 promotores de Justiça participam da ação. Um homem foi detido com uma arma de fogo e delegado para a delegacia.
O objetivo, conforme a polícia, é investigar a suspeita de formação de cartel para combinação de preços dos combustíveis comercializados em uma rede de postos das cidades.
O delegado informou que as 35 equipes policiais já apreenderam também documentos e dinheiro nos estabelecimento e também em residências de empresários.
Após o cumprimento dos mandados, será feita análise do material colhido e dada continuidade à investigação. Apesar da operação, o funcionamento dos postos de combustíveis não foi afetado.

0 comentários:

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Tecnologia do Blogger.