Brasil

Anitta atende pedido de Daniela Mercury, afirma que não vota em Bolsonaro e declara apoio ao movimento Ele Não

Na última semana, Anitta teve o seu nome envolvido em uma grande polêmica por conta da sua falta de posicionamento político em relação as eleições presidenciáveis deste ano. O público da cantora, em sua maioria composto por LGBT, chegou a criticá-la por não aderir ao movimento contra o candidato Jair Bolsonaro.
Neste domingo, 23 de setembro, Daniela Mercury resolveu desafiar a cantora em seu perfil no Instagram e a convocou para as ruas para lutar contra as propostas do presidenciável. “Vamos, Anitta?”, disse ela, que está engajada nas manifestações do movimento #EleNão, que acontecerão no próximo dia 29 de setembro.
No mesmo vídeo, Daniela Mercury ainda chama Bolsonaro de machista, homofóbico e racista. “Eu estou aqui para convidar todas as mulheres brasileiras para ir às ruas no dia 29 de setembro. Ele não! E eu gostaria de desafiar minha amiga Anitta para apoiar o movimento Ele Não! Vamos, Anitta?”, convidou a cantora baiana.
Poucos horas depois, Anitta resolveu se pronunciar através do seu perfil no Instagram, declarou seu apoio a campanha e afirmou que não votava no político. “Oi gente, olha eu fui desafiada pela Daniela Mercury a apoiar o movimento da #ELENÃO. Eu quero aproveitar essa oportunidade para deixar claro para vocês de uma vez por todas, se ainda não ficou, que eu não apoio o candidato Jair Bolsonaro”, disse ela.
“Eu também quero deixar claro que em momento nenhum eu desmereci a hashtag. Eu só quis dizer para vocês que além de se posicionar com hashtag a gente pode fazer durante a nossa vida, são os nossos dias também, as nossas atitudes que mostram a nossa luta contra o preconceito, contra o machismo, o racismo a homofobia, nossa luta pelas minorias. Como eu sou a favor da democracia eu apoio sim o uso da #ELENÃO. E quero desafiar Ivete Sangalo, Claudia Leitte e Preta Gil”, finalizou.

0 comentários:

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Tecnologia do Blogger.