Brasil

Sem alarde, bispo Edir Macedo declara apoio a Bolsonaro em rede social

Líder da Igreja Universal do Reino de Deus citou candidato do PSL ao responder a seguidor sobre seu 'posicionamento sobre a eleição para presidente'; PRB, ligado à IURD, integra coligação que apoia Geraldo Alckmin
Líder da Igreja Universal do Reino de Deus (IURD), uma das mais influentes no País, o bispo Edir Macedo declarou em rede social que apoia o candidato Jair Bolsonaro (PSL) na disputa para a Presidência da República.
O apoio ao candidato do PSL foi manifestado pelo bispo Edir Macedo ao ser questionado por um seguidor, durante transmissão ao vivo no Facebook, qual é seu "posicionamento sobre a eleição pra presidente".  "Bolsonaro", escreveu o líder religioso, sendo saudado por vários outros internautas que o seguem naquela rede social.
"Concordo plenamente. Esta eleição não é apenas uma luta política. Avançamos atacando o mal todos os dias e ele, está revoltado contra todo o nosso povo. Seria interessante se o senhor e a cúpula da igreja viesse a público para exteriorizar este pensamento", escreveu de volta o autor da primeira pergunta, chamado Antônio Matos.
De acordo com reportagem do jornal Folha de S.Paulo, a campanha de Bolsonaro já havia recebido a informação de que o bispo, dono da TV Record, iria apoiar o ex-capitão do Exército na corrida eleitoral. Há a expectativa para que Macedo grave um vídeo manifestando sua preferência a Bolsonaro, mas isso ainda não ocorreu.
Considerado o braço político da Igreja Universal, o Partido Republicano Brasileiro (PRB) é uma das nove legendas que compõem a coligação que defende a candidatura de Geraldo Alckmin (PSDB) ao Planalto. O apoio do partido, onde vários bispos licenciados têm palavra de decisão, cede a Alckmin 28 segundos por dia no bloco fixo do horário eleitoral obrigatório.
Dono do maior tempo de exposição na TV, o ex-governador de São Paulo tem utilizado grande parte desse tempo para atacar justamente o candidato Jair Bolsonaro, que atualmente lidera a corrida eleitoral, conforme apontam pesquisas de intenções de voto. Conforme mostrou levantamento realizado pelo iG, Alckmin agora apoiado pelo bispo Edir Macedo. O nome do ex-capitão do Exército, inclusive, é pronunciado mais vezes na propaganda de Alckmin do que o do próprio tucano.

0 comentários:

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Tecnologia do Blogger.