Ceará

Após 9 meses da maior chacina do Ceará, órfãos pedem ajuda para sobreviver

Nove meses após a maior chacina do estado, a Chacina das Cajazeiras, nove filhos de uma das vítimas enfrentam dificuldades para sobreviver.
A filha mais velha teve de assumir toda a responsabilidade e passou a cuidar de oito crianças órfãs. É o que mostra a matéria do Barra Pesada, da TV Jangadeiro/SBT.
Larissa Maia é filha de Edneuza Pereira de Albuquerque, de 39 anos, uma das vítimas da Chacina das Cajazeiras ocorrida no dia 27 de janeiro, no Forró do Gago.
Edneuza deixou nove filhos. Larissa, por ser a mais velha, ficou responsável pelas crianças. Como não trabalha, depende do benefício do Bolsa Família. A jovem mora de aluguel com os irmãos e pede ajuda em material de construção para reformar a casa, além de fazer apelo para quem puder doar alimentos. Se você puder ajudar a família, basta entrar em contato pelo número (85) 98959-6667.

0 comentários:

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Tecnologia do Blogger.