Brasil

Câncer de Beto Barbosa regride 60% e cantor é surpreendido por nova notícia

Após várias tentativas, o tratamento quimioterápico do cantor Beto Barbosa está finalmente surtindo efeito. Com a regressão de 60% do câncer, os médicos da Beneficência Portuguesa, em São Paulo, estão otimistas com o resultado.
A doença atingiu bexiga e próstata do cantor. O objetivo da equipe médica é fazer a doença regredir ao máximo possível nas próximas duas sessões, de forma que Beto possa ser operado ainda este ano, possivelmente em dezembro. Mesmo doente o artista continua trabalhando no limite possível.
Em seu instagram,Beto falou sobre fé e cansaço. “Metade do corpo é de fé e esperança, e a outra metade é de cansaço, com a certeza da cura no final”, escreveu.
O artista ainda revelou a quantidade de sessões de quimioterapia que precisa passar. “Faltando agora 3 Químios. Deus sempre”, declarou.
APÓS SESSÃO DE QUIMIOTERAPIA, BETO FAZ PRIMEIRA AVALIAÇÃO
Beto Barbosa, como noticiado pelo TV Foco, tem travado uma intensa luta contra um câncer na bexiga e na próstata. O cantor encerrou as sessões de quimioterapia e nesta terça-feira, 09 de outubro, resolveu compartilhar uma boa notícia com seus seguidores.
“Hoje é dia de PET SCAN – avaliar o primeiro ciclo das químios e saber se houve aumento ou regressão do tumor. Espero que o resultado seja a meu favor! Deus eterno e sempre. Amo vocês. Darei notícias”, disse ele. Na parte destinada aos comentários os fãs lotaram de mensagens positivas.
Na última semana, o cantor deu boas notícias ao seus fãs. Em seu Instagram, publicou uma foto de seu rosto, e explicou a situação na legenda.  “Ontem, graças a deus, consegui completar a metade das quimioterapias. Confesso que estou feliz por este presente”, disse ele.
E prosseguiu: “Faltando quatro quimios para realizar o próximo pet scan e saber os próximos passos a serem tomados, todo grande esforço merece uma grande alegria. Amo vocês”. O cantor vale dizer anunciou que estava com a doença em agosto deste ano e logo em seguida iniciou o tratamento.
Além disso, ao longo do tratamento, Beto também enfrentou um problema relacionamento a questão da imunidade e precisou adiar uma de suas sessões de quimioterapia. “Minha imunidade baixou para 90 e eu precisava estar com o mínimo de mil. Nesta situação, a cautela acendeu a luz vermelha para não deixar que doenças simples se tornem graves, como gripes que duram semanas, perda de peso, infecções respiratórias etc.”, escreveu ele.

0 comentários:

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Tecnologia do Blogger.