Brasil

Flamengo bate o Grêmio, frustra Palmeiras e mantém esperança de título

Flamengo segue vivo na briga pelo título do Brasileiro. O time carioca derrotou o Grêmio por 2 a 0 na noite desta quarta-feira, no Maracanã, no Rio de Janeiro (RJ), pela 36ª rodada da competição e chegou aos 69 pontos, mantendo-se cinco pontos atrás líder Palmeiras, que goleou o América-MG por 4 a 0 em São Paulo. O resultado, porém, foi fundamental para os flamenguistas se garantirem matematicamente na fase de grupos da Libertadores.
Se o Flamengo está na fase de grupos, o Grêmio corre o risco justamente de deixar o G4, pois estacionou nos mesmos 62 pontos do São Paulo, que ainda joga pela rodada nesta quinta-feira, quando visita o Vasco em São Januário.
O jogo – O Flamengo começou a partida com mais posse de bola, tentando acuar o Grêmio no campo de defesa. Porém, como os gremistas congestionavam o próprio campo, a criação de jogadas ficava muito comprometida. A primeira oportunidade de gol dos cariocas foi aos 11 minutos, em um chute de fora da área de Everton Ribeiro, que fez a bola passar sobre o travessão.
Aos 22 minutos por muito pouco a torcida flamenguista não gritou “gol”. Vitinho cruzou e Fernando Uribe cabeceou para acertar a trave esquerda do goleiro Paulo Victor. Acuado em seu campo, o Grêmio tinha dificuldades de trocar passes na busca do contra-ataque. A maior prova disso foi que a primeira defesa do goleiro César aconteceu aos 32 minutos, em um chute de fora da área de Ramiro, facilmente defendido pelo arqueiro flamenguista.
O Flamengo seguiu pressionando e aos 34 minutos quase chegou ao gol graças a uma bela jogada individual de Cuéllar, que invadiu a área e cruzou, Uribe dividiu com o goleiro e a bola sobrou para Renê chutar sobre o gol, desperdiçando grande oportunidade.
Aos 42 minutos Diego arriscou um chute de fora da área e Paulo Victor fez grande defesa, cedendo escanteio e garantindo que o placar não se mexesse antes do intervalo.
Logo no primeiro minuto do segundo tempo o Flamengo mostrou que voltou disposto a decidir o jogo. Após triangulação ofensiva a bola sobrou para Pará que, na grande área, chutou para grande defesa do goleiro. Na cobrança de escanteio a zaga do Grêmio se confundiu na marcação e Fernando Uribe pegou de primeira para anotar um golaço. O atacante levantou muito o pé e acabou cometendo falta em Cortez no lance, o que gerou a revolta dos gremistas.
Com a desvantagem o Grêmio adiantou a marcação e por muito pouco não empatou aos 16, quando Alisson fez boa jogada e cruzou para a cabeçada de Everton, defendida com dificuldade por César. O Flamengo respondeu um minuto depois, quando Réver cabeceou após cobrança de escanteio de Vitinho. Paulo Victor defendeu em cima da linha.
A torcida do Flamengo foi ao desespero com Vitinho aos 23 minutos. Em um contra-ataque ele recebeu de Diego e chutou, livre de marcação, sobre o gol, isolando a bola.
A partir daí o Flamengo passou a tentar controlar o jogo, chamando o Grêmio para seu campo e tentando explorar mais os contra-ataques. A estratégia, porém, deixou o time acuado em alguns momentos, como aos 38, quando Thaciano cruzou e Everton cabeceou para fora.
O goleiro do Flamengo operou um verdadeiro milagre aos 42 minutos. Alisson cruzou, Pedro Geromel cabeceou e César se esticou para ceder escanteio. Na resposta dos cariocas, no minuto seguinte, Marlos Moreno foi lançado e Paulo Victor se jogou aos pés do colombiano para evitar o segundo gol.
O Flamengo, porém, liquidou o jogo aos 44 minutos. Orlando Berrío foi lançado pelo lado esquerdo em velocidade em um contra-ataque, avançou e cruzou para Diego, na pequena área, escorar para o fundo da rede e sair para abraçar a galera no Maracanã, mantendo vivo o sonho do título para os cariocas.
As duas equipes voltam a campo no próximo domingo, às 17h(de Brasília). O Flamengo visita o Cruzeiro no Mineirão, em Belo Horizonte (MG). Já o Grêmio vai ao Estádio Barradão, em Salvador (BA), medir forças com o Vitória.
Gazeta Esportiva

0 comentários:

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Tecnologia do Blogger.