Ceará

Três suspeitos são presos e comparsa é morto em operação das polícias Civil e Militar

A operação tinha o objetivo de desarticular uma quadrilha suspeita de cometer roubos de veículos e tráfico de drogas em Maracanaú
Uma operação conjunta das polícias Civil e Militar resultou na prisão de três homens, na morte de outro suspeito e na apreensão de veículos roubados, armas de fogo e drogas, em Maracanaú, na Região Metropolitana de Fortaleza (RMF), na última quarta-feira (14).
Conforme o comandante da Área Integrada de Segurança (AIS) 12, tenente-coronel Océlio Alves, a operação tinha o objetivo de desarticular uma quadrilha suspeita de cometer roubos de veículos e tráfico de drogas e teve a participação de policiais militares da Força Tática (FT) do 14º Batalhão de Polícia Militar (BPM) e de policiais civis da Delegacia de Roubos e Furtos de Veículos e Cargas (DRFVC).
Ao localizar e abordar a quadrilha, no bairro Alto Alegre, a polícia foi recebida a tiros e reagiu. Sávio Sales Farias, conhecido como 'Gêmeo', de 22 anos, foi baleado e socorrido até o Instituto Doutor José Frota (IJF), onde morreu na madrugada desta quinta-feira (15). Ele tinha passagens pela polícia por homicídio, roubo, associação criminosa, tráfico de drogas e porte ilegal de arma de fogo.
As forças de segurança obtiveram a prisão de três suspeitos: Jedson Coutinho Romualdo, 24, com antecedentes criminais de roubo, tráfico de drogas e associação criminosa; Kelver Sales Farias, 26, com passagens por roubo e porte ilegal de arma de fogo; Bruno Oliveira de Paula, 22, com passagens por homicídio, organização criminosa e tráfico de drogas.
Com a quadrilha, a polícia apreendeu um revólver calibre 38, munições, 9kg de cocaína, 980 gramas de crack, 2,1 kg de pó branco (para misturar com droga), balanças de precisão, quatro carros e uma motocicleta. Os presos e o material apreendido foram levados à DRFVC, para instauração de Inquérito Policial.

0 comentários:

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Tecnologia do Blogger.