Ceará

Banco do Brasil de Meruoca é destruído por quadrilha fortemente armada.

O que era uma agência bancária virou escombros por conta das explosões na madrugada de hoje
Subiu para 44 o número de ataques a bancos, neste ano, no Ceará. Na madrugada deste sábado (1º), uma quadrilha usando armas de grossos calibres e explosivos invadiu a cidade de Meruoca, na Zona Norte do estado (a 248Km de Fortaleza) e atacou a agência do Banco do Brasil. O assalto terminou na completa destruição do prédio dada a magnitude das explosões no cofre e caixas eletrônicos. A cidade acordou sobressaltada neste primeiro dia de dezembro. Este foi o segundo assalto a banco em apenas quatro dias.
O ataque foi semelhante ao ocorrido nas demais cidades do interior cearense. Uma quadrilha invadiu Meruoca em vários carros e motocicletas. Parte do bando se dirigiu à agência do BB e a outra se encarregou de atacar a sede do Destacamento da Polícia Militar, disparado tiros e impedindo uma reação à altura por parte dos militares de plantão.
No banco, os ladrões colocaram explosivos no cofre existente na tesouraria e nos caixas eletrônicos. As explosões vieram em seguida. Mas, o excesso de artefatos colocados acabou por destruir completamente a agência. A Polícia ainda não informou se a quadrilha conseguiu roubar o dinheiro que havia nos equipamentos.
Outro
Na última terça-feira (27), outra quadrilha atacou a agência do Bradesco da cidade de Catunda (a 256Km de Fortaleza). Segundo o relato de moradores, o ataque dos assaltantes ocorreu poucos minutos depois das 2 horas da madrugada, quando praticamente não havia ninguém nas ruas do Centro. Uma caminhonete Hilux, prata, transportava a maioria dos assaltantes.
Cápsulas de balas de pistolas e de escopetas foram encontradas na calçada do banco e na frente do Destacamento da PM. Apesar de muitos tiros e da explosão do equipamento bancário, não há notícias de pessoas feridas ou mortas. Após o crime, a quadrilha fugiu em direção a Santa Quitéria sem conseguir roubar o dinheiro,
Na mesma região, a Polícia já registrou, neste ano, ataques bancários semelhantes nas cidades de Monsenhor Tabosa e Tamboril, vizinhas a Catunda. As autoridades suspeitam que são ações de uma mesma quadrilha.

0 comentários:

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Tecnologia do Blogger.