Educação

Estudante de Medicina do UNINTA apresentou trabalho nos EUA

O final do ano é um momento de festas, férias letivas e uma das oportunidades dos estudantes estarem juntos da família e aproveitarem os momentos de folga para fazer o que desejam. Entretanto, para muitos universitários, o período serve como oportunidade de frequentar cursos de extensão e assim expandir os limites do conhecimento. Foi justamente essa a opção da estudante do 5º semestre do curso de Medicina do Centro Universitário Inta (UNINTA), Maria Clarisse Alves Vidal.
Após o encerramento do semestre letivo 2018.2, a acadêmica aproveitou o início das férias para apresentar na Universidade do Sul da Flórida, nos Estados Unidos (EUA), um trabalho realizado junto a Liga de Cirurgia Geral de Sobral. Orientado pelo Dr. Patrick Capote e pela Dra. Ana Cristina Fiúza, o trabalho teve como tema: Ferimento Transfixiante por Arma de Fogo e seu Acometimento Anatômico: Um Relato de Caso.
Mostrando-se muito animada com a oportunidade, a única representante do Ceará falou sobre a experiência. “Eu tenho uma afeição muito grande por cirurgia, e poder ter uma experiência com cadáver fresco e técnicas cirúrgicas inovadoras no maior hospital de simulação do mundo é uma oportunidade única! Além de poder realizar networking com alunos de todas as universidades de medicina do Brasil”, colocou.
A apresentação da estudante do UNINTA fez parte do curso “Anatomia em Cadáver fresco e Técnicas Cirúrgicas”, que é realizado no CAMLS (Hospital Simulado da Universidade do Sul da Flórida). Segundo a acadêmica, os participantes do curso realizam estudos como dissecção em cadáver fresco, preparação para emergências e simulações cirúrgicas como videolaparoscopia, intubação, eletrocardiograma e exames laboratoriais. Com duração de uma semana, o curso é idealizado pelo Dr. Alex de Souza, renomado médico cirurgião da área.
De acordo com o orientador do trabalho, Dr Patrick Capote, a conquista da estudante é fruto do interesse e dedicação pelo tema. “A nossa Liga depende muito do entusiasmo dos estudantes e estas conquistas são decorrente do esforço e do mérito deles. Nosso papel é estimular a pesquisa e as publicações, já que precisamos muito desenvolver este aspecto acadêmico no Brasil. Acreditamos que este tipo de atividade de extensão é importantíssima na formação de um profissional”, afirmou.
Para o Pró-Reitor de Carreiras Médicas e Odontológicas e Coordenador do Curso de Medicina do UNINTA, Dr Klauber Roger, a busca pela internacionalização e atividades extracurriculares são fundamentais na formação dos estudantes do UNINTA. “As atividades extracurriculares demonstram a flexibilidade do nosso currículo, o que é muito importante na formação de um futuro médico. Outro aspecto relevante é o interesse do estudante e o nosso incentivo em relação à pesquisa e publicações acadêmicas. Por fim, a internacionalização se torna fundamental pelo fator de globalização do curso. Temos muito orgulho da Clarisse e dos nossos estudantes que buscam todos esses aspectos durante a formação”, destacou o cardiologista.
Nota Máxima do MEC
No último dia 6 de dezembro, o curso de Medicina do UNINTA alcançou o conceito máximo na avaliação de Reconhecimento do Ministério da Educação (MEC). Extremamente criterioso, o processo avalia inúmeras dimensões, distribuídas em 3 eixos, para composição da nota final. Apenas 12 instituições no Brasil possuem a nota máxima de reconhecimento e conceito de excelência na nota de autorização. A nota posiciona o UNINTA como o melhor curso de Medicina do Estado do Ceará.
Para mais informações sobre a graduação de Medicina do UNINTA acesse www.uninta.edu.br/vestibulares 

0 comentários:

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Tecnologia do Blogger.