Ceará

Ônibus de Fortaleza terão cartão eletrônico exclusivo para turistas

A mobilidade dos turistas que vêm a Fortaleza deve ser facilitada com projeto do Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiros do Estado do Ceará (Sindiônibus), que planeja lançar um cartão eletrônico de integração nos ônibus da Capital cearense voltado exclusivamente para os visitantes. A ação, que deverá ser implementada até o fim de janeiro de 2019, faz parte do conjunto de medidas que já vêm sendo adotadas pela entidade para incentivar o pagamento eletrônico nos coletivos.
A novidade será diferente do Bilhete Único. O projeto prevê que o cartão tenha design especial, com imagens de pontos turístico de Fortaleza. Os testes da nova modalidade devem ser feitos durante os dez primeiros dias do próximo mês.
João Luiz Marciel, gerente de operações do Sindiônibus, revela que os cartões estarão disponíveis para venda em locais de fluxo de chegada de turistas na Cidade, como rodoviárias e aeroporto, além de bancas de revistas nos arredores da orla marítima. O bilhete eletrônico terá duas opções, com cinco ou dez passagens inclusas. Não será possível realizar recarga.
"Nosso objetivo é que todos os que desejam usar o transporte coletivo tenham a opção de fazê-lo, usando crédito eletrônico. Tudo isso para dar mais comodidade ao passageiro". Quando ao investimento realizado pelo Sindiônibus para colocar o projeto em prática, Marciel diz apenas que o valor "é modesto".
Se o turista for passar um período maior na Cidade, ele recomenda comprar um cartão de transporte avulso, que pode ser recarregado até mesmo pelo cartão de crédito. "Nós temos uma linha que faz a ligação do Aeroporto de Fortaleza com os hotéis da orla. E esse projeto, para o turista, deve ser feito, pois o sistema como um todo está passando por mudanças. Hoje, 70% dos usuários utilizam cartão eletrônicos", acrescenta.
O projeto é visto com bons olhos pelos presidente da Associação Brasileira da Indústria de Hotéis no Ceará (ABIH-CE), Eliseu Barros. Na opinião dele, a implantação será muito bem-vinda, gerando impactos positivos para o turismo local. "Se é um plano para facilitar o deslocamento, a ABIH-CE vai dar todo o apoio, inclusive, na divulgação. Isso é algo que acrescenta a Fortaleza mais um diferencial e chancela a Capital como uma cidade que respeita e recebe os turistas de braços abertos", observa.
Também a fim de facilitar a mobilidade do turista, desde o último dia 14 de novembro, Fortaleza dispõe de ônibus panorâmicos de dois andares (hop on hop off), com capacidade para 67 pessoas. O ingresso para adultos custa R$ 65 (1 dia) e R$ 90 (2 dias) e para idosos custa R$ 50 (1 dia) e 70 (2 dias).
O Povo

0 comentários:

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Tecnologia do Blogger.