Brasil

Bolsonaro reajusta salário mínimo para R$ 998

Decreto assinado nesta terça-feira (1º) traz primeiro aumento real do salário mínimo em 3 anos. O valor, no entanto, é inferior aos R$ 1.006 previstos pelo Congresso.
O governo do presidente Jair Bolsonaro fixou o novo salário mínimo em R$ 998, primeiro aumento real em 3 anos. O reajuste anterior, assinado por Michel Temer, foi o menor aplicado desde 1995. O decreto foi assinado nesta terça-feira (1º).
A previsão contida no Orçamento da União para este ano aprovado pelo Congresso era de que o mínimo fosse dos atuais R$ 954 para R$ 1.006, mas o ex-presidente Michel Temer decidiu deixar para Bolsonaro a definição do novo valor. O valor dependia da expectativa de inflação.
O valor previsto pelo Congresso levava em conta uma expectativa de inflação de 4,2%, mas a projeção mais recente do Banco Central estima 3,5%. A política de valorização do salário mínimo ocorre desde o governo Lula e se tornou lei, com validade até 2019, no governo de Dilma Rousseff.
O presidente também assinou a medida provisória e o decreto que formalizam a nova estrutura do governo, com os 22 ministérios.
Com informações da Reuters

0 comentários:

Postar um comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site. Se achar algo que viole os termos de uso, denuncie. Leia as perguntas mais frequentes para saber o que é impróprio ou ilegal.

Tecnologia do Blogger.